BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

sábado, 27 de novembro de 2010

O TEU FINANCIAMENTO FOI CARO



Não importa as crenças dos outros sobre você e, sim, suas crenças sobre você mesmo. Quando estamos seguros de nós mesmos, nada exterior nos abala. As pessoas têm uma necessidade de serem atacadas pelo externo, mas é uma necessidade inconsciente como se provocasse sem perceber tais ataques.

Nada acontece a nós se não permitirmos, se não provocarmos.
Você precisa saber por que tem esta necessidade de se sentir em baixa-estima e ainda usar as pessoas para que lhe façam isto.

A maioria das pessoas fazem isto para se sentirem vivas, notadas, para chamar a atenção e a prova é que você entra mesmo na briga, como se precisasse disto.

As pessoas vivem contra elas mesmas e não percebem. Só querem ver tudo como se fossem ataques pessoais e que podem vir a ser, dependendo da condução dos fatos.

Você não tem que entrar na briga nem ignorar, mas manter-se sereno, não achando que aquilo tudo é para você, pois nós, seres humanos, vivemos procurando nas pessoas algo que nos fira.

É como um devedor de dinheiro; ele não acha graça viver sem dever. Procuramos adrenalina através de situações para nos testarmos, para evoluirmos e aprendermos que não precisamos mais daquilo.

A falta de confiança é como se fosse um buraco emocional que você não consegue superar, por ser algo que não sabia que existia, a partir do momento que se sabe... toma-se conhecimento, então, tudo começa a se resolver.

As pessoas só nos darão valor se nós nos dermos valor, porque você é uma pessoa especial aqui neste planeta, ninguém vem aqui sem ser especial, pelo simples fato de ser muito caro para o Universo enviar e manter alguém encarnado aqui. Você está sendo financiado para estar aqui e não veio para ser triste, sofrer ou ter doenças. Se assim fosse, o Universo o deixaria de lado até desencarnar, por livre arbítrio.

Todos nós somos mantidos aqui por financiadores do Universo. Quando estamos no livre arbítrio... aí, nem Deus faz nada, apenas respeita. Seguir o livre arbítrio é seguir os sentimentos de baixa vibração, as pessoas nem têm idéia disto; sofrem e pedem ajuda, mas... apenas serão respeitadas em suas opções.

Logo, você tem que gerar créditos e não débitos para com o Universo, pois você tem que pagar o que ele financiou.

Olha, o Universo confia em você e para você ser quem tem que ser, tem que aprender algumas coisas que a vida ensina. Lidar com as pessoas que amamos é um aprendizado.

Você não pode ficar “bicudo” só por causa de um comentário de outro, nem se sentir menor, porque você não é pior nem melhor que ninguém e, sim, diferente! Logo, valorize o que você tem de diferente, é assim que o valorizarão. Mas tenha coragem; aqui neste planeta vencem os corajosos. Estes recebem ajuda o tempo todo.

Não tema nada, mas também não ataque ninguém, senão você vai viver uma vidinha de lamúrias e você não veio aqui para isto, ninguém veio aqui para isto, embora a maioria viva de lamúrias. É como uma epidemia comportamental: sofrer parece normal, mas não é, viemos para ser felizes e a felicidade é hoje e não amanhã.

Faça de cada instante um instante feliz e não se preocupe que o Universo sempre lhe mostrará caminhos felizes, é só você aceitar. Todos estão sendo convidados a serem melhores, mas através de estímulos de provocação. No final, todos entram na provocação ao invés de usá-la para crescer. Não adianta ter inteligência mental, se não tem inteligência espiritual, basta saber que você não é vitima de nada nem de ninguém, que você é você do jeito que tem que ser. Deveríamos aprender na escola, este tipo de valor.

Sua desvalorização, na verdade, é a não valorização de sua inteligência espiritual e a autovalorização de sua inteligência mental que o julga, condena, critica...

Já viemos ao mundo sabendo que aqui não é o paraíso, mas viemos para aprender a sermos o nosso paraíso. É como entrar em uma caixa cheia de espinhos, mas não para ser espinho, nem tão pouco para se furar e, sim, aprender a não ser espinho e sair sem um ferimento. Mas as pessoas ou viram espinhos ou saem feridas.

Já somos lindos por dentro, só precisamos aceitar a beleza que é algo silencioso, sereno, pacífico... Logo, não temos que seguir os sentimentos de baixa vibração. Assim, criamos débitos que os espíritas chamam de carma; cada espírito é um campo a ser cultivado.

Você veio para realizar uma tarefa e o universo lhe paga muito bem com saúde, dinheiro, moradia, alimento, oportunidades... Para ele movimentar tudo isto a seu favor, sai caro.

Você quis vir e ele falou assim:

“MEU QUERIDO, VOCÊ VAI PARA O PLANETA TERRA, EU LHE FINANCIAREI, MAS ESTOU CONFIANDO QUE SEJA ÚTIL PARA AS PESSOAS LÁ , PORQUE TEM MUITA GENTE LHE ESPERANDO ATÉ O DIA EM QUE VOCÊ MORRER. LHE ESPERAM PARA VOCÊ DAR UM SORRISO, UMA PALAVRA, UM CARINHO, UMA LUZ, UM EXEMPLO... SE VOCÊ ACEITA ISTO... ENTÃO, EU LHE FIANCIAREI”.

E você aceitou, mas daí, você ouve uma bobagem de alguém sem consciência disto e deságua a se achar sem valor?

Olha, seja inteligente espiritualmente também, acredite em você, coragem de ação e muita paciência com os que não sabem disto: ELES NAO SABEM O QUE FALAM.

Mas você sabe agora quem o mantém aqui. O UNIVERSO É QUEM REDIRECIONA A ENERGIA DO DINHEIRO. Terá o que merece, não faça nada por dinheiro, faça por querer ajudar, para servir, para melhorar a vida das pessoas, aí sim, o Universo lhe mandará oportunidades..

Se você fosse um vendedor de picolés, sorvete, você poderia ter muita abundância, se você vendesse o sorvete para dar alegria, frescor, vida, às pessoas. Daí seu carrinho de sorvete seria o mais visitado. Assim é com tudo que temos a dar, tudo que damos em abundância recebemos o que precisamos em abundância, do contrário também procede. Você só pode dar o que tem. Seja carinho, seja amor, seja paciência e terás tudo isto ao teu redor. Então já vês que não compensa ficar triste por nada, Porque tua tristeza não vai gerar créditos para você. Tristeza, raiva, inveja, ciúmes, depressão não geram créditos para ninguém e tudo isto são opções.

Você ainda tem chance de ser você, de saber que você é especial!

Seja corajoso e não discuta, a discussão é para os covardes. Se você não souber disto você fica refém das pessoas e não seria feliz.

Olha, o financiamento é pago para o universo através dos créditos que você gera, movimenta, senão, você fica em débito: carmas, sofrimentos. É só colocar a mão nos créditos. Você faz créditos quando serve e não quando é refém.

Namasté 15/11/201




por Eliana Kruschewsky - elianakruschewsky@radiestesia.com.br
FORMAÇÃO ACADÊMICA EM LETRAS PELA UESC-ILHEUS-BA RM 1991 MINISTROU AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA POR 18 ANOS NA REDE PÚBLICA E PARTICULAR. ASSESSORIA TERAPÊUTICA ATRAVÉS DE SOLICITAÇÃO DE AVALIAÇÃO RADIESTÉSICA. PALESTRANTE PRESENCIAL E POR VÍDEO-CONFERÊNCIA. http://lattes.cnpq.br/0575067745137537

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO