BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

quinta-feira, 18 de março de 2010

Cursos 24 horas



Cursos Online com Certificado



Cursos 24 Horas - Cursos Online a partir de R$ 20



link

link : http://www.cursos24horas.com.br/parceiro.asp?cod=promocao13801&id=14111

ANDARILHOS DOS SONHOS


Eles têm a dimensão
De seus sonhos,
Cujas asas misteriosas
Os levam a um mundo
Mais alto...
Livres
Até em minúsculas celas
De prisão,
Com o soluço
Que morre na garganta,
Vão deixando no caminho
As marcas da liberdade,
As pontes da fraternidade...
Eles têm o dom fascinante
Da loucura
E de nada vale contra eles
A tirania...
Sabem que a libertação
Traz a dor
E o sangue.
Mas eles não temem,
Pois, sob as cinzas
Da liberdade sufocada,
Estão as fagulhas
Que haverão de provocar
O incêndio
E destruir a opressão.
Ninguém se faz peregrino
Ou andarilho
Carregando bagagem
Pesada...
Por isto,
Eles vão vestidos
Apenas de sonhos
Pacificar as almas,
Demolir os muros
Da discórdia
E redimir os pecados
Dos poderosos...

PRANTEANDO



Nelson Antônio Corrêa


Quando anoitece lá na mata
Um silêncio nos maltrata
Se a gente está sozinho...
Piam tristes os passarinhos
Amuados em seus ninhos
Nossa solidão assistem...


Pirilampos piscando suas luzinhas
Iluminam as veredas
Num vale multicor
Nossos olhos também se alumiam
Lembrando dos velhos dias
Quando era feliz com nosso amor...

O riacho preguiçoso desce a serra
Murmurando saudades dela,
a molhar seus pezinhos em flor...

E a gente sofre uma saudade tão tamanha,
Maior que a baita lua,
E nossa dor vai pranteando...

E a gente sofre uma saudade tão tamanha,
Maior que a baita lua,
E nossa dor vai pranteando...

EVANGELHO DE HOJE


Evangelho segundo S. João 8,12-20.
Botão (125x125)


Jesus falou-lhes novamente: «Eu sou a luz do mundo. Quem me segue não andará nas trevas, mas terá a luz da vida.» Disseram-lhe, então, os fariseus: «Tu dás testemunho a favor de ti mesmo: o teu testemunho não é válido.» Jesus respondeu-lhes: «Ainda que Eu dê testemunho a favor de mim próprio, o meu testemunho é válido, porque sei donde vim e para onde vou. Vós é que não sabeis donde venho nem para onde vou. Vós julgais segundo critérios humanos; Eu não julgo ninguém. Mas, mesmo que Eu julgue, o meu julgamento é verdadeiro, porque não estou só, mas Eu e o Pai que me enviou. Na vossa Lei está escrito que o testemunho de duas pessoas é válido; sou Eu a dar testemunho a favor de mim, e também dá testemunho a meu favor o Pai que me enviou.» Perguntaram-lhe, então: «Onde está o teu Pai?» Jesus respondeu: «Não me conheceis a mim, nem ao meu Pai. Se me conhecêsseis, conheceríeis também o meu Pai.» Jesus pronunciou estas palavras junto das caixas das ofertas, quando estava a ensinar no templo. E ninguém o prendeu, porque ainda não tinha chegado a sua hora.

Comentário ao Evangelho do dia feito por :

Santo Agostinho (354-430), Bispo de Hipona (Norte de África) e Doutor da Igreja
Sermões sobre o Evangelho de João, n°34 (a partir da trad. de Véricel, O Evangelho Comentado, p. 223)
A luz do mundo


As palavras do Senhor: «Eu sou a luz do mundo» são claramente, na minha opinião, para aqueles que têm olhos que lhes permitem tomar parte dessa luz; mas aqueles que só têm os olhos do corpo admiram-se de ouvir Nosso Senhor Jesus Cristo dizer: «Eu sou a luz do mundo». Talvez haja mesmo alguns que dizem para si próprios: Não será Cristo este sol que, ao nascer e ao pôr-se, determina o dia? [...] Não, Cristo não é esse sol. O Senhor não é o sol que foi criado, mas Aquele por Quem o sol foi criado. «Por Ele é que tudo começou a existir; e sem Ele nada veio à existência» (Jo 1, 3). Ele é, pois, a luz que criou esta luz que vemos. Amemos esta Luz, compreendamo-la, desejemo-la, para chegarmos um dia junto dela, conduzidos por ela, e para vivermos nela de forma a nunca mais morrermos. [...]

Vedes, portanto, meus irmãos, vedes, se tendes olhos que vêem as coisas da alma, que luz é esta da qual o Senhor declara: «Quem Me segue não anda nas trevas». Segui este sol e veremos se não caminhareis nas trevas; pois eis que ele se eleva e avança na vossa direcção e, seguindo o seu caminho se dirige-se para ocidente. Mas tu deves caminhar para o sol nascente, que é Cristo.

ANDARILHOS DO SONHO






Eles têm a dimensão
De seus sonhos,
Cujas asas misteriosas
Os levam a um mundo
Mais alto...
Livres
Até em minúsculas celas
De prisão,
Com o soluço
Que morre na garganta,
Vão deixando no caminho
As marcas da liberdade,
As pontes da fraternidade...
Eles têm o dom fascinante
Da loucura
E de nada vale contra eles
A tirania...
Sabem que a libertação
Traz a dor
E o sangue.
Mas eles não temem,
Pois, sob as cinzas
Da liberdade sufocada,
Estão as fagulhas
Que haverão de provocar
O incêndio
E destruir a opressão.
Ninguém se faz peregrino
Ou andarilho
Carregando bagagem
Pesada...
Por isto,
Eles vão vestidos
Apenas de sonhos
Pacificar as almas,
Demolir os muros
Da discórdia
E redimir os pecados
Dos poderosos...

IRENA SENDLER MORREU


Irena Sendler morreu...sabes quem era? Pois não duvido que porás esta mensagem a correr pelo teu "mundo". Trata-se de uma justa Homenagem !
O prémio não o leva sempre quem mais o merece!




Irena Sendler


Uma senhora de 98 anos chamada Irena acabou de falecer.
Durante a 2ª Guerra Mundial, Irena conseguiu uma autorização para trabalhar no Gueto de Varsóvia, como especialista de canalizações.

Mas os seus planos iam mais além... Sabia quais eram os planos dos nazis relativamente aos judeus (sendo alemã!)

Irena trazia meninos escondidos no fundo da sua caixa de ferramentas e levava um saco de sarapilheira, na parte de trás da sua camioneta (para crianças de maior tamanho). Também levava, na parte de trás da camioneta, um cão a quem ensinara a ladrar aos soldados nazis quando entrava e saia do Gueto.
Claro que os soldados não queriam nada com o cão e o ladrar deste encobriria qualquer ruído que os meninos pudessem fazer.
Enquanto conseguiu manter este trabalho, conseguiu retirar e salvar cerca de 2500 crianças.
Por fim os nazis apanharam-na e partiram-lhe ambas as pernas e os braços e prenderam-na brutalmente.

Irena mantinha um registo com o nome de todas as crianças que conseguiu retirar do Gueto, que guardava num frasco de vidro enterrado debaixo de uma árvore no seu jardim.
Depois de terminada a guerra tentou localizar os pais que tivessem sobrevivido e reunir a família. A maioria tinha sido levada para as câmaras de gás. Para aqueles que tinham perdido os pais ajudou a encontrar casas de acolhimento ou pais adoptivos.
No ano passado foi proposta para receber o Prémio Nobel da Paz... mas não foi seleccionada. quem o recebeu foi Al Gore por uns diapositivos sobre o Aquecimento Global

Não permitamos que, alguma vez, esta Senhora seja esquecida!!

TUDO QUE NECESSITO CHEGA A MIM DE MODO NATURAL




Sou filho de Deus. Portanto, posso manifestar concretamente todos os atributos de Deus. Sendo Deus a fonte da riqueza infinita, tudo que necessito vem a mim através de vias adequadas. O amor é um canal por onde flui a provisão infinita de Deus. Por isso, pratico sempre atos de amor ao próximo.

Do livro Minhas Orações - Masaharu Taniguchi

LIBERDADE


Os sons da acordina
Ecoam no silêncio da noite,
Marcando as horas eternas
Do delírio
De homens sem medo...
Em corrilhos infindos,
Eles sonham com a liberdade.
Sonham e caminham...
Caminham para a força,
A guilhotina
E a crucificação...
Caminham,
Vertendo o cálice
De sua dor,
E, bêbados de alegria,
Cantam hinos,
Hosanas e aleluias...
Eles sabem:
Sabem que cutelos,
Cassetetes,
Obuses,
Baionetas, sabres e tanques
Não são capazes
De matar o sonho...
As cabeças rolam,
O sangue jorra,
Mas não morre a semente
E nem puba o fermento...
O “dia da derrama”
Há de ser
Numa madrugada qualquer...
E o sol haverá de iluminar
Este novo dia
Em que todos os homens
Haverão de correr livres
Por dourados trigais...

TEMPOS E FASES


Há tempos para todo propósito, para tudo na vida há uma fase;

Há o tempo de cada um nascer, de viver, e a hora de morrer;

Fase de crescer, de brincar, de ficar na boa;

De amar o mundo, de querer de tudo, ou, de sentir apatia;



Há tempo de paz, há fases complicadas;

Fase em que tudo acontece ao mesmo tempo;

Fase de rir, tempo de chorar;

De sonhar acordado, de viver ilusões;

De coisas que acontecem no tempo errado;

Há fase de um branco, onde nada conta mais;



Há tempo de cortejar, de namoro, ser feliz;

Conquistar o amor, enredar seu peixe;

Manter presente, admirar, preservar;

Trocar gentilezas, delicadezas, abraçar;



Há fase de desapontamento, desenganos;

Despreso, desconquista, desgosto;

Grocerias, de afastamento dos braços;

Onde o peixe volta ao seu habitat, seu mundo anterior;



A vida tem fase de alegrias e festas;

De vida e saúde, felicidade sem fim;

E há espinhos, e dores, tristezas, solidão;

E uma montanha para escalar, isolar, meditar;



Há fase para sentir ser o centro da atração;

De escrever o que há dentro de nós;

E ler o que outros têm dentro deles;

E perceber que pouca diferença isso faz na vida;



Há fase de sonhar que tudo na vida é possível;

E arriscar o impossível, ver miragens, crer utopias;

E ao fim encarar a realidade, aceitar limitações;

Entender que sonho é artigo de prateleira, é descartável;



Que vantagem há de tudo que se quer ser, que se faz na terra;

Que valor tem a pureza, moralidade, bom exemplo, divulgar o certo?

Se a natureza humana é sempre disposta à prática do mal;

Visto que cada um já escolheu no que crer, ser, fazer, e estão bem?



Há tempo para intenso envolvimento na Net;

Há fase para total abstnência da Web;

Há tempo diário para tititiar;

E há fase de falta de tempo para tititiação.



A fase atual requer distanciar um período e silênciar um mínimo

ALTAMYR ALMEIDA

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO