BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

terça-feira, 27 de julho de 2010

REFLEXÃO COM ROUSSEAU


O homem nasce livre e por toda parte se encontra sob grilhões. Aquele que mais acredita ser o senhor dos outros não deixa de ser mais escravo do que ele. Como ocorre essa mudança? Ignoro-o. O que pode torná-la legítima? Creio poder resolver esta questão. O mais forte não é suficientemente forte para ser sempre o senhor se não transforma sua força em direito e a obediência em dever. Constitui-se, assim, o direito do mais forte; direito tornado ironicamente em aparência e de fato como princípio. Porém, nunca nos será explicada essa palavra? A força é um poder físico: não vejo que moralidade possa resultar de seus efeitos. Ceder à força é um ato de necessidade, não de vontade: no máximo, é um ato de prudência. Em que sentido poderá representar um dever?

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO