BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

CANÇÃO DO AMOR PERDIDO



Quando me olhaste pela última vez
Com amor, ternura e preocupação,
Mal sabia que te perdia
Pelas artimanhas tristes do destino...

Como em minha terra,
Onde os rios correm entre cascatas e remansos,
As lágrimas rolam hoje por minha face
Na solidão doída do meu quarto.

Ah, amor, que triste sina esta minha
De tanto sentimento no coração
E ter que viver sozinha
Nessa terra de desterro e provação...

A chuva chega mansa no sertão
Fazendo tudo reflorescer
Renascendo a vida em primavera
E tocando minh’alma com beleza e gratidão.

Mas, mesmo na minha alegria
Existe uma sombra de tristeza,
Que acompanha todos os meus dias...

É a saudade eterna de ti,
De teus carinhos, tua presença e teu abraço,
De tuas palavras cheias de beleza e poesia
Sussurradas no silêncio do quarto...

Por que amor e dor têm que rimar
Sempre em histórias de grandes paixões?
Quisera tanto só cantar a alegria!
Mas, no momento de libertar as emoções,
Sempre há de escapar um tom de melancolia...

Maria Luiza

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO