BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

SOU JOVEM...


Quem determinou que uma pessoa se torna idosa aos sessenta anos? Idoso é aquele que perdeu o entusiasmo pela vida, que não sonha mais, que não tem energia, utopias e planos.
Eu garanto que já fiz sessenta anos e sou muito jovem. Em primeiro lugar, não sou velha fisicamente. É verdade que vez por outra uma dor aqui e outra acolá não deixa de incomodar. Mas, e daí? Os jovens de hoje estão cheios de dores e enchendo as clínicas de fisioterapia. Além disso, apesar de o corpo ter caído um pouco, e alguns fios brancos eu cobrir com tinta, meu rosto está liso, sem nenhuma linha, nem um pé- de-galinha, graças à hereditariedade. Velha, perdoem-me, velha é a vovozinha...
Eu sou jovem! Produtiva, sonhadora, criativa, sempre pronta a aprender e crescer. Olhem bem para o meu porte e tudo que faço e se atrevam a me chamar de velha! Tem muito jovem por aí que parece que já morreu e se esqueceu de deitar... Uns lesmas...
A juventude ou velhice não podem ser determinadas pela idade. Têm que ser determinadas pelo grau de paixão pela vida! Eu sou eternamente apaixonada!
Como uma comida vagorasamente para sentir-lhe o sabor; paro diante de tudo que é belo e posso ficar horas a deliciar-me com aquilo; vivo no ritmo da natureza e estou sempre com o cérebro a mil. Querem me dizer que não sou jovem? Claro que sou! E mais: ainda sonho com um grande amor, viagens, novos livros para ler e escrever, muita música bonita para ouvir...
Meus planos vão para além dos cem... Tia, vó, sim sou com muito amor. Agora no sentido de velha é quem me chama para não dizer aqui um palavrão...

Maria Luiza

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO