BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

sexta-feira, 15 de abril de 2011


Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania, depende de quando e como você me vê passar."

Clarice Lispector

A HORA EXTREMA


A gente fala sobre a morte, acredita na vida que virá depois, nos espíritos de luz, na evolução,ama Jesus e crê em suas promessas. Enfrentá-la de frente, entretanto, é outra história...
Muitas vezes, estive diante dela e recebi a notícia dada pelos médicos, que nada mais poderiam fazer por mim, com tranquilidade absoluta. Tanta que eles imaginaram que eu não estava entendendo a questão ou era uma pessoa muito fria. De todas as vezes, um deles voltou para uma nova conversa e eu sempre expliquei que era uma pessoa muito emotiva, sentia deixar os que amava e sofria pela dor por que eles passariam, mas estava tranquila diante da missão cumprida.
Entretanto, quando você vê a possibilidade de sofrer muito antes que venha o fim, assusta-se com o sofrimento. Dor é algo muito difícil de se aguentar! Muitos não suportam a dor de uma unha encravada, imaginem a dor de um cãncer!...
Entretanto, é nesta hora que nossa fé é colocada à prova. É como se Jesus nos dissesse: "Filho, confia em mim! Acredita em mim? Então, lembre-se do que tive de suportar, na carne humana! Eu estou ao seu lado! Eu vou ajudá-lo a carregar esta cruz!".
Neste momento, o conforto dos amigos e parentes é muito importante, mas, na verdade, somos nós e Deus. É um momento de extrema solidão! Quando, conscientes, é claro, revivemos toda a nossa jornada e nos vemos diante de nossos erros e quedas... Entretanto, sabemos, diante do Bem que espalhamos, do coração sempre aberto, do Amor que nunca negamos, que a Misericórdia de Nosso Senhor é infinita e haverá de nos abrigar e aninhar em seu peito. E, na hora exata da passagem, vamos fechar os olhos e acordar em uma outra maravilhosa dimensão, onde espíritos acolhedores e parentes queridos estarão nos aguardando para nos abraçar com a mesma alegria que nossos pais sentiram, quando nascemos nesta dimensão terrena.
Dizer que é fácil é hipocrisia! Fácil não é, mas o Senhor Supremo facilita a todos aqueles que foram bons e aproveitaram a Jornada Terrestre para aprendizagem e crescimento espiritual. Não importa a religião da pessoa! Deus não faz distinções. A todos abriga em sua Infinita Misericórdia.
Não temamos, pois!

Maria Luiza

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO