BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Oração do Trabalho



Senhor!

Ensina-nos a trabalhar mais, produzindo mais, e a produzir mais, a fim de conquistarmos recursos maiores, para distribuir o auxilio sempre mais amplo de tua misericórdia.

E ensina-nos, Senhor, a descansar menos, pedindo menos, a fim de pesarmos menos em nossos semelhantes, para exigir menos, de modo a nos sentirmos menos fracos para servir em Tua Bondade.

Senhor!

Tanto quanto nos seja possível receber, concede-nos mais trabalho para sermos mais úteis e que sejamos sempre menos nós, diante de Ti, a fim de que estejas mais em nós, hoje e sempre.

Assim seja.

Médium: Chico Xavier – Espírito: Bezerra de Menezes.

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

PENSAMENTO DO DIA

Quando se perde o respeito pela verdade, nem que seja só um pouco, tudo se torna duvidoso.

Santo Agostinho

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

PENSAMENTO DO DIA

É nas maiores aflições que percebemos a importância e a beleza das coisas simples.

Maria Luiza

terça-feira, 21 de agosto de 2012

MENSAGEM DO ARCANJO RAFAEL



Eu sou Rafael, Arcanjo.

Almas humanas nesse mundo, recebam minha saudações.
Meu papel no Conclave é discreto mas, entretanto, importante.
Eu sou o Arcanjo que foi chamado o 'Arcanjo da Cura'.
Minha Irradiação está no vermelho como o sangue e a Vida que circula na Terra e em vocês.
O sangue, lugar de todas as alquimias e de todas as transformações.
Eu sou o 'Arcanjo da passagem' e não da reversão.
Eu vigio para que as passagens ou as mudanças se façam em harmonia.
Assim, passar da doença à cura é uma passagem.
Toda passagem da Vida à morte e da morte à vida em sua Dimensão está sob minha influência e sob minha direção.
Meu papel dentro do Conclave, e durante seu período atual, é portanto o de supervisionar todas as passagens.
Como vocês o sabem, vocês estão às vésperas de uma passagem e de uma reversão.
Como toda passagem existente em uma alma encarnada, existe um certo número de etapas que permitem realizar essa passagem.
Essas etapas são sempre as mesmas, quaisquer que sejam os Universos, quaisquer que sejam os Mundos, quaisquer que sejam as Dimensões.
A passagem implica na passagem de um estado a um outro estado.
Essa passagem se traduz sempre, numa primeira fase, por uma apreensão, por um questionamento, por uma negociação e, enfim, por uma aceitação.
Assim vai, em sua Dimensão, todo fenômeno vital e toda passagem de um estado para um outro.
Passagem da infância à adolescência, da adolescência ao adulto e do adulto à velhice e, finalmente, da velhice à morte.
Assim, portanto, todo processo de passagem põe em balanço um certo número de resistências e, enfim, um certo número de fenômenos de negociações e de aceitação.
Obviamente, cada alma humana desse mundo vive as etapas da passagem de maneira diferente.
Para alguns, a fase de recusa ou de medo não existe.
Para outros, enfim, a fase de negociação não existe e, para outros enfim, não há qualquer dificuldade para efetuar essas passagens.
Do mesmo modo, quando vocês passam da boa saúde para a doença, há passagem e, inversamente, quando vocês passam da doença à cura, há também passagem.
A passagem é como uma travessia.
Nessa travessia, que realiza tanto seu corpo como sua Consciência, esses fenômenos se produzem.
Essas etapas existem tanto ao nível do átomo, como da célula, como de sua Consciência.
Ter Consciência é já um passo importante para a compreensão e a vivência de todo mecanismo de passagem em sua Dimensão.
Hoje, pode-se dizer que vocês estão na passagem.
Essa passagem, vocês a vivem já, para alguns de vocês, desde muito tempo e diria que vocês estão nas últimas fases da passagem, aquelas que precedem a Revelação final e a reversão.
Aí está meu papel, aí estão minhas funções no Conclave como em todos os processos de Consciência existentes nesta Humanidade e nesse mundo.
Aí está, almas humanas em encarnação, algumas palavras que desejava lhes dar sobre meu papel e minha função vibratória, o vermelho sendo o elemento que impulsiona a mudança.
Minha cor de Radiação corresponde, portanto, a ela, o vermelho evoca o calor.
Nós estamos aqui em relação com o Fogo da Terra, em relação com seu próprio Fogo Interior, aquele que, justamente, permite por exemplo a passagem do ego ao Coração e passar do Fogo do ego ao Fogo do Coração ou ainda do Fogo do 3º olho para o Fogo da Coroa Radiante da Cabeça ou ainda do Fogo de sua Vontade própria para o Fogo da Vontade do Kundalini.
Assim, portanto, essas passagens são ilustradas em seus chacras, em suas Consciências e nesses diferentes aspectos.
Assim, portanto, é normal que uma alma humana em encarnação prove, quando de toda passagem, diferentes sentimentos e diferentes estados de sua consciência limitada.
Hoje, a época da passagem que vocês vivem lhes demanda um certo número de processos dos quais alguns foram abordados.
Dentro desse processos, vocês compreenderam, manifestam-se fenômenos de resistências, fenômenos de negociação e enfim, fenômenos de aceitação ou de abandono, assim como o definiu o Arcanjo Anael.
Assim, vocês devem conceber tudo o que se produz atualmente, em sua Vida, como uma passagem e apreender na Consciência e intelectualmente mesmo as três etapas ou as quatro etapas necessárias porque, quando vocês tiverem identificado as quatro etapas, vocês identificam, do mesmo modo, o lugar onde vocês se situam.
A resistência à mudança está inscrita no ser humano, nesta Dimensão falsificada, como um meio de perenidade e de manutenção da Vida num estado estável.
Ora, como vocês o sabem, a estabilidade não está mais na Ordem do dia.
O Fogo da Terra é despertado pela ação do Conclave, pela ação dos doze Arcanjos que permitiram ao Fogo do Éter ativar-se e conduzir ao que vocês observam, em vocês e sobre a Terra, ao nível do despertar do Fogo da Terra.
É essa passagem aí que está em curso atualmente. (...)

do blog Portal dos Anjos e Estrelas de Avalon

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

PENSAMENTO DE HOJE

"Não tenho tempo para odiar quem me odeia, não tenho tempo para brigar com quem não me entende, não tenho tempo para me preocupar com quem não se importa comigo, sabe porque ? Porque eu estou ocupado amando quem me ama, falando com quem me entende e lutando por aqueles que ainda se importam comigo. A vida é muito curta para ser jogada fora com pessoas vazias e sem princípios."

 Renato Russo

domingo, 19 de agosto de 2012

PARA ONDE SE DEVEM LEVAR AS PESSOAS

.
Quero levar as pessoas a entenderem a natureza e a conexão com o criador da vida, conscientes de que nunca estiveram desconectadas ou na iminência de romper essa ligação. Que se conscientizem da sua íntima ligação, de tal forma que se percebam como um portal de realização do criador na dimensão concreta da consciência. Que passem a entender os limites da lógica humana para compreender a natureza da essência do Criador. Que possam acessar o Criador a partir do entendimento de que se é e o que se pensa a respeito de Deus.

Quero levar as pessoas, indistintamente, à consciência de que são espíritos imortais, capazes de infinitas realizações.  Que possam compreender que suas vidas lhes pertencem e que são autônomas para realizarem seus destinos. Como espíritos imortais são portadores de uma marca divina que lhes capacitam operar maravilhas à medida em que avançam na evolução intelecto-moral. Que percebam o poder pessoal de coagular pensamentos e idéias, construindo com elas um cenário, que tomam como realidade, no qual se inserem e laboram.

Quero levar as pessoas a respeitarem os outros, considerando cada individuo representante da divindade e sua legítima obra. Que compreendam que o outro deve ser reverenciado como sendo o principal sujeito com o qual se deve contracenar para evoluir. Que percebam a importância de que as coisas sejam realizadas incluindo o outro. Que sintam a importância da construção de uma sociedade justa, harmônica e organizada, na qual todos sejam e se sintam incluídos. 

Quero levar as pessoas a entenderem que o amor é a força propulsora do Universo, sendo o motivo principal da vida. Que a vida acontece tendo como base o princípio da construção do sentimento de amor, que nada exige, e que surge independentemente da lógica humana. 

Que a união entre duas pessoas é representativa do encontro com o divino. Que se deve começar a entender o amor a Deus a partir do amor a alguém de quem nada se possa cobrar. 

Quero levar as pessoas à consciência da vida espiritual, numa dimensão acessível a todos. Que aprendam a se comunicar eficazmente com aqueles que já ultrapassaram a barreira da morte de forma tranquila e sem perturbações. Que a continuidade da consciência do eu seja o norte para os comportamentos enquanto estejam ligados a um corpo físico. Que nunca se esqueçam da continuidade eterna do eu no estabelecimento das relações interpessoais. 

Quero levar as pessoas a alcançarem a felicidade possível na terra, trabalhando pela sua transformação, a fim de que se tornem aquilo para o qual foram designadas. Que entendam a felicidade como um conjunto de sensações que envolvem o corpo, mente, espírito e meio social. Que, pelo trabalho digno, conscientes de seu exercício constante, possam alcançar o que desejam. Que percebam a importância de contribuir para uma vida comunitária pacífica, doando parte de seu tempo em favor dos outros. 

Quero levar as pessoas a serem tão solidárias com os outros como são com os que amam, para que não haja de forma alguma alguém infeliz. Que compreendam a importância de servir ao próximo, atendendo aos próprios anseios íntimos de caridade para com seus semelhantes. Que entendam as diferenças entre as pessoas, buscando valorizar aquilo em que são iguais, principalmente lutando pelos direitos e garantias individuais. Que persistam em implantar a liberdade de expressão humana, para que todos se percebam livres e maduros para usufruir do que a divindade lhes ofertou.

Quero levar as pessoas a se tornarem mais esperançosas e crentes que a vida foi feita para que todos alcancem a realização pessoal e coletiva. Que todos possam educar seu olhar sobre o Universo, vendo a grande maravilha divina, representação da psique humana, campo de realização do Espírito. Que não esperem externamente, de forma mágica, a realização do melhor, mas que configurem e plasmem em torno de sí mesmas o que pretendem alcançar de Deus.

Quero levar as pessoas a encontrarem o rítmo da vida, que pulsa a favor do crescimento e desenvolvimento dos espiritos, como um coração que nutre a totalidade de um organismo vivo. Que desenvolva seu próprio ritmo em consonância com a música cósmica que ressoa desde o princípio de tudo. Que possam respirar com satisfação o perfume da natureza, que permeia todas as coisas e que gratuitamente está disponível a todos.

Quero levar as pessoas a se sentirem pertencentes, filiadas ao mesmo Criador e nutridor da Vida. A se unirem em favor da solução de problemas comuns e a melhorarem a vida no planeta Terra. A se conectarem pelos fios invisíveis do sentimento de amor, que promove e alimenta a vida. A perceberem no outro o irmão como a si mesmas, vinculadas e unidas à mesma fonte geradora da vida. 
Quero levar as pessoas a cultivarem a paciência, a humildade e o perdão, para que a convivência humana se torne leve e serena. Que as mágoas sejam diluídas e todos reconheçam o direito de discordância, como concernente aos diferentes graus de percepção da realidade. Que as virtudes conquistadas não se tornem elementos que estimulem a exclusão, nem motivo para que se construam castas na sociedade.

Quero levar as pessoas além da religião, para que encontrem a religiosidade que as aproximam do Criador. Quero levá-las para além do espiritismo, para que encontrem a verdadeira espiritualidade, que as torna mais próximas de sua verdadeira essência. Que possam se sentir sempre conectadas ao mundo de onde vieram, promovendo a disseminação do saber espiritual e a consciência da imortalidade do espirito.

Quero levar as pessoas a valorizarem a educação e a família como pontos centrais de desenvolvimento da sociedade. Que possam promover melhores condições de aprendizagem e de educação aos que retornam a uma nova vida. Que ampliem seus conceitos de família, acolhendo todo aquele que necessite de amor e de paz. Que valorize cada vez mais as aptidões fora do eixo lógico-matemático e lingüistico-verbal, ampliando os processos de aprendizagem dos outros tipos de inteligência.

Quero levar as pessoas a entenderem o mecanismo que promove a doença, buscando decifrar os sinais que a Vida oferta para compreensão das leis de Deus. Que possam levar a todos a compreensão de como entrar e sair da roda das encarnações sem ferir a ninguém, encontrando caminhos suaves de iluminação pessoal.

Quero que todos amem indistintamente, pois a vida é o amor que acontece.

Adenáuer Novaes (Salvador–BA)

é conferencista, diretor da instituição filantrópica Fundação Lar Harmonia, do Centro Espírita Harmonia e do Centro Espírita Casa de Redenção Joanna de Ângelis, em Salvador.

É formado em Engenharia Civil, Filosofia, Psicologia e pósgraduado em Psicologia Junguiana. Trabalha como psicólogo clínico. Escreveu vários livros sobre Psicologia e Espiritismo. Realiza cursos, seminários e conferências pelo Brasil e já visitou vários países da Europa divulgando a Doutrina Espírita.

terça-feira, 14 de agosto de 2012

A VIBRAÇÃO DAS PALAVRAS


 

O Universo vibra, a Fonte cria numa explosão de vibração.
As palavras convertem as vibrações da natureza em som. Durante a nossa evolução, nós aprendemos quais sons são perigosos, quais sons são calmantes e seguros, quais sons são prazerosos e assim por diante. Nós, vagarosamente, aprendemos sobre as várias vibrações das leis da natureza. Nós aprendemos isso pelo instinto e pela experiência. Nós acumulamos estas informações pelos tempos. Começamos por sons simples como "a" ou "u" ou "e", que foi se envolvendo em sons mais complexos como "Amor". E estas palavras positivas criaram estruturas cristalinas "naturais" – que são todas baseadas no hexágono.

Os antigos, sabedores que eram do imenso poder contido na Palavra e, à fim de, por um lado, levar aos profanos a Sabedoria Divina e, por outro, velar as palavras para que não pudessem ser utilizadas de maneira leviana, criaram os símbolos.
É fundamental termos claro que a vibração tornada palavra torna o Mundo que conhecemos tal qual ele é. O entendimento da vibração é extremamente necessário para entendermos a manifestação de tudo que somos.

Quando verbalizamos qualquer palavra ela tem uma energia e essa energia pode transformar-se em uma energia poderosa, mediana ou fraca.
  • O pensamento (vibração potencial) necessita ser Verbalizado (vibração dinâmica) caso contrário não existe a Manifestação.
  • A verbalização, para que possa ser entendida, necessita de quem A Escute. A Primeira atitude do Criado portanto, é Escutar.

Palavra e Vibração
A palavra, junto com o poder da vibração, é capaz de criar, curar e também destruir.

A teoria indica que, quando focalizamos nossa mente em algo, e a isto somamos o sentimento e a emoção, para finalmente expressá-lo, estamos exteriorizando e materializando um poder que estará afetando os reinados da matéria.

O QUE DIZES A TEU SEMELHANTE, DIZES A TI MESMO

Se cada um de nós estivesse consciente de que a energia liberada em cada palavra afeta não só a quem a dirigimos, mas também a nós mesmos e ao mundo que nos rodeia, começaríamos a cuidar mais o que dizemos.

Os antigos essênios sabiam da existência de um enorme poder contido na oração, no verbo e na palavra. Os antigos alfabetos, como o sânscrito, o aramaico e a linguagem hebraica são fontes de poder em si mesmas. Os essênios utilizaram a energia que canaliza a linguagem - que era a manifestação final do pensamento, da emoção e do sentimento - para manifestar na realidade a qualidade de vida que desejavam experimentar neste mundo. Nas culturas do antigo Oriente eram utilizados os mantras, as rezas, os cânticos e as orações com intenção predeterminada, como técnicas para materializar estados internos e programar, de uma forma ignorada por nós na atualidade, realidades pensadas, desejadas e afirmadas previamente.

Os estudos realizados por físicos quânticos começam a redescobrir e validar o enorme conhecimento esquecido de antigas culturas ancestrais. Um conhecimento que se encontra ainda escondido e esquecido e que nos traria o poder de mudar nosso mundo.

AS PALAVRAS PODEM PROGRAMAR O ADN
A mais recente investigação científica russa indica que o DNA pode ser influenciado e reprogramado por palavras e freqüências, sem seccionar e nem substituir genes individuais. Só 10% de nosso DNA é utilizado para construir proteínas, e este pequeno percentual do total que compõe o DNA é o que estudam os investigadores ocidentais. Os outros 90% é considerado “DNA sucata”. Entretanto, os investigadores russos, convencidos de que a natureza não é tola, reuniram lingüistas e geneticistas - em um estudo sem precedentes -, para explorar esses 90% de “DNA sucata”.

Os resultados levaram a conclusões impensadas: segundo os estudos, nosso DNA não só é o responsável pela construção de nosso corpo, mas também serve como armazém de informação e para a comunicação a toda escala da biologia. Os lingüistas russos descobriram que o código genético, especialmente no aparentemente inútil 90%, segue as mesmas regras de todas as nossas linguagens humanas. Compararam as regras de sintaxe (a forma em que se colocam juntas as palavras para formar frases e orações), a semântica (o estudo do significado da linguagem) e as regras gramaticais básicas e assim descobriram que os alcalinos de nosso DNA seguem uma gramática regular e têm regras fixas, tal como nossos idiomas.

Portanto, as linguagens humanas não apareceram coincidentemente, mas são um reflexo de nosso DNA inerente. O biofísico e biólogo molecular russo Pjotr Garjajev e seus colegas também exploraram o comportamento vibratório do DNA. “Os cromossomas vivos funcionam como computadores solitônicos/holográficos usando a radiação laser do DNA endógeno”. Isso significa que alguém pode, simplesmente, usar palavras e orações da linguagem humana para influir sobre o DNA ou reprogramá-lo.

Os mestres espirituais e religiosos da antiguidade souberam, há milhares de anos, que nosso corpo pode ser programado por meio da linguagem, das palavras e do pensamento. Agora isso foi provado e explicado cientificamente. A surpresa maior foi descobrir a maneira como os 90% do “DNA Sucata” armazena a informação. “Imaginemos uma biblioteca que, em lugar de arquivar milhares de livros, só guarda o alfabeto comum a todos os livros. Então, quando alguém solicita a informação de um determinado livro, o alfabeto reúne todo o conteúdo em suas páginas e coloca a nossa disposição”, esclareceu Garjajev. Isto nos abre as portas a um mistério ainda maior: que a verdadeira “biblioteca” estaria fora de nossos corpos em algum lugar desconhecido do cosmos e que o DNA estaria em comunicação permanente com este reservatório universal de conhecimento.

A EVIDÊNCIA INESPERADA
O investigador Dan Winter, que desenvolveu um programa de computação para estudar as ondas sinusoidais que emite o coração sob respostas emocionais, em uma fase da investigação com seus colegas, Fred Wolf y Carlos Suárez, analisou as vibrações da linguagem hebraica com um espectrograma. O que descobriram foi que os pictogramas que representam os símbolos do alfabeto hebraico se correspondiam exatamente com a figura que forma a longitude de onda do som de cada palavra.

Isso significa que a forma de cada letra era a exata figura que formava a referida longitude de onda a ser vocalizada. Também comprovaram que os símbolos que formam o alfabeto são representações geométricas. No caso do alfabeto hebraico, os 22 gráficos utilizados como letras são 22 nomes próprios originalmente usados para designar diferentes estados ou estruturas de uma única energia cósmica sagrada, que é a essência e semelhança de tudo o que é. O livro do Gênesis está escrito nesta linguagem.

As letras dos antigos alfabetos são formas estruturadas de energia vibracional que projetam forças próprias da estrutura geométrica da criação. Desta maneira, com a linguagem se pode tanto criar como destruir. O ser humano potencializa o poder contido nos alfabetos ao somar-lhe o poder de sua própria intenção. Isso nos converte em responsáveis diretos dos processos criativos ou destrutivos na vida. E somente com a palavra!

O PODER CURATIVO DA PALAVRA
Existe uma capacidade demonstrada de quanto a palavra pode afetar a programação do DNA. A saúde poderia conservar-se indefinidamente se nos orientamos em pensamentos, sentimentos, emoções e palavras criativas e, sobretudo, bem intencionadas.

Os estudos do Instituto Heart Math nos abrem um novo panorama para a cura, não só dos humanos enfermos, mas também para a cura planetária. O instituto crê na existência do que eles chamam “hiper-comunicação”, uma espécie de rede de Internet sob a qual todos os organismos vivos estariam conectados e comunicados permitindo a existência da chamada “consciência coletiva”.

O Hearth Math declara que se todos os seres humanos fossem conscientes da existência desta matriz de comunicação entre os seres vivos, e trabalhassem na unificação de pensamentos com objetivos mancomunados, seríamos capazes de logros impensados, como a reversão repentina de processos climáticos adversos.

O poder das rezas, orações e pedidos, tal como nos legaram os antigos essênios - potencializado por milhares de pessoas -, nos outorgaria um poder que superaria ao de qualquer potência militar que quisesse nos impor sua vontade pela força.

Este poder foi demonstrado em espécies animais como os golfinhos, que trabalham unificados em objetivos comuns. Os golfinhos utilizam padrões geométricos de hiper-comunicação, ultra-som e ressonâncias que lhes servem para interagir com as redes energéticas do planeta. Estes animais possuem a capacidade de produzir estruturas sônicas geométricas e harmônicas sob a água. Poderíamos afirmar que os golfinhos ajudam mais a manter o equilíbrio planetário do que os humanos.

Se O CRIADOR nos outorgou o poder, significa que quer que nós, uma vez alcançado um nível de consciência determinado, ajudemos com respeito à vida, sendo co-criadores de sua obra.
Brad Hunter


Publicado na Revista ‘EL PLANETA URBANO’
El poder de la palabra

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

POETANDO...


 Motivo da rosa

Não te aflijas com a pétala que voa:
também é ser, deixar de ser assim.


Rosas verá, só de cinzas franzida,
mortas, intactas pelo teu jardim.


Eu deixo aroma até nos meus espinhos
ao longe, o vento vai falando de mim.


E por perder-me é que vão me lembrando,
por desfolhar-me é que não tenho fim.



Cecília Meireles

domingo, 5 de agosto de 2012

EVANGELHO DE HOJE








                                                            






Evangelho segundo S. João 6,24-35.

Naquele tempo, quando a multidão viu que nem Jesus nem os seus discípulos estavam ali, a multidão subiu para os barcos e foi para Cafarnaúm à procura de Jesus.
Ao encontrá-lo no outro lado do lago, perguntaram-lhe: «Rabi, quando chegaste cá?»
Jesus respondeu-lhes: «Em verdade, em verdade vos digo: vós procurais-me, não por terdes visto sinais miraculosos, mas porque comestes dos pães e vos saciastes.
Trabalhai, não pelo alimento que desaparece, mas pelo alimento que perdura e dá a vida eterna, e que o Filho do Homem vos dará; pois a este é que Deus, o Pai, confirma com o seu selo.»
Disseram-lhe, então: «Que havemos nós de fazer para realizar as obras de Deus?»
Jesus respondeu-lhes: «A obra de Deus é esta: crer naquele que Ele enviou.»
Eles replicaram: «Que sinal realizas Tu, então, para nós vermos e crermos em ti? Que obra realizas Tu?
Os nossos pais comeram o maná no deserto, conforme está escrito: Ele deu-lhes a comer o pão vindo do Céu.»
E Jesus respondeu-lhes: «Em verdade, em verdade vos digo: Não foi Moisés que vos deu o pão do Céu, mas é o meu Pai quem vos dá o verdadeiro pão do Céu,
pois o pão de Deus é aquele que desce do Céu e dá a vida ao mundo.»
Disseram-lhe então: «Senhor, dá-nos sempre desse pão!»
Respondeu-lhes Jesus: «Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não mais terá fome e quem crê em mim jamais terá sede.

OS TRÊS DIAS DE ESCURIDÃO

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

ALIMENTOS E EMOÇÕES


 

 
 
Banana- contra a ansiedade
Se você anda mais ansiosa que o normal, aposte na banana para elevar os níveis de serotonina. Quando os níveis desse neurotransmissor estão baixos, falha a comunicação entre as células cerebrais. Aí você fica irritada  e especialmente ansiosa. A fruta combina doses importantes de triptofano e vitamina B6. Juntas, as duas substâncias se tornam poderosíssimas na produção da serotonina.
Quanto consumir: 2 unidades por dia.
 
 
 
Mel- pura alegria
Triste sem motivo? De novo a causa pode ser a serotonina de menos. Nesse caso, o mel funciona     como um calmante natural, pois aumenta a eficiência da serotonina no cérebro. Mas não é só aí que ele atua. Quando alcança o intestino, ajuda a regenerar a microflora intestinal. Resultado: o ambiente se torna mais propício para a produção de serotonina. Surpresa? Pois é, cerca de 90% do neurotransmissor do bom humor é produzido no intestino.
Quanto consumir: 1colher (sopa) / dia.
 
 
 
Abacate- amigo do sono
Dormir é tão importante para viver bem quanto comer direito e fazer exercícios. Tem noite que o sono não vem? Põe fé no abacate. Tudo bem, ele tem gordura, mas é boa. E oferece vitaminas que ajudam você a se entender melhor com o travesseiro. A vitamina B3 equilibra os hormônios que regulam as substâncias químicas cerebrais responsáveis pelo sono. Já o ácido fólico funciona como se fosse uma enzima, alimentando os neurotransmissores que fazem você dormir bem.
Quanto consumir: ½ abacate pequeno, 3x /semana.
 
 
 
Salmão- levanta o astral
Mau humor constante pode ser sinal de falta de ômega 3 no prato. O representante oficial dessa gordura amiga é o salmão. Mas existem outros peixes (atum, arenque e sardinha) que jogam seu astral lá para cima. O ômega 3 melhora o ânimo porque aumenta os níveis de serotonina, dopamina e noradrenalina - substâncias responsáveis pela sensação de bem-estar. Estudos também comprovam que este ácido graxo tira os radicais livres de cena e assim protege o sistema nervoso central.
Quanto consumir: 1 porção, 3x / semana.
 
 
 
Lentilha- afasta o medo
Angústia e medo podem estar relacionados ao desequilíbrio de cálcio e magnésio. Essa dupla atua no balanceamento das sensações. Além de incluir alimentos com cálcio (queijo e iogurte) e magnésio (acelga) na dieta, consuma mais lentilha. Ela tem efeito ansiolítico, ou seja, tranqüiliza e conforta. Isso porque é precursora da gaba, neurotransmissor que também interfere nos sentimentos.
Quanto consumir: 3 conchas pequenas / semana.
 
 
 
Nozes- mantém você concentrada
São muitos os nutrientes das nozes. Mas é a vitamina B1 a responsável por essa fruta oleaginosa melhorar a concentração, pois a B1 imita a acetilcolina, neurotransmissor envolvido em funções cerebrais relacionadas à memória.
Quanto consumir: 2 nozes, 4x / semana.
 
 
 
Chá verde- espanta o estresse
Essa erva, a Camellia sinensis, tem fitoquímicos (polifenóis e catequinas) capazes de neutralizar as substâncias oxidantes presentes no organismo que, em excesso, deixam você cansada e estressada e acabam desorganizando o funcionamento do organismo. O estresse é capaz de desencadear a síndrome metabólica, culpada por doenças como a obesidade e a depressão. Beber chá verde, conforme alguns estudos, melhora a digestão e deixa a mente lenta.
Quanto consumir: 4 a 6 xícaras (chá) / dia.
 
 
 
Brócolis- deixa a mente esperta
É comum você demorar alguns segundos para lembrar o número do seu telefone? Este alimento é rico em ácido fólico, acelera o processamento de informação nas células do cérebro, conseqüentemente, melhorando a memória. Porções extras desta verdura vão fazer você lembrar de tudo rapidinho.
Quanto consumir: 1 pires / dia.
 
 
 
Óleo de linhaça- dribla o apetite voraz
O óleo extraído da semente de linhaça e prensado a frio é uma fonte vegetal riquíssima em gordura ômega 3, 6 e 9. Melhor: é um dos poucos alimentos com ômega numa proporção próxima do ideal, o que é imprescindível para que exerça suas funções benéficas. Uma delas é regular os hormônios que ajudam a manter o sistema nervoso saudável. Com isso, a ansiedade perde espaço e a cumpulsão à comida fica bem menor.
Quanto consumir: 1colher (sobremesa) / dia, antes das refeições principais.
 
 
 
Gérmen de trigo- acaba com a irritação
Assim como as nozes, o gérmen de trigo tem vitamina B1 e inositol, que reforçam a concentração. Mas por ter uma boa dose de vitamina B5, o gérmen é especialmente indicado como calmante, já que melhora a qualidade de impulsos nervosos, evitando nervosismo e irritabilidade.
Quanto consumir: 2 colheres (chá) / dia.
 
 
 
Tofu-  espanta o desânimo
O queijo de soja tem o dobro de proteínas do feijão e uma boa dose de cálcio. Também é rico em magnésio (evita o enfraquecimento das enzimas que participam de produção de energia) e ferro (combate a anemia). Quando estes minerais estão em baixa no organismo, você se sente fraca e sem ânimo. Mas é a colina, substância que protege a membrana das células cerebrais, que dá ao tofu o poder de acabar com o cansaço mental.
Quanto consumir: 1 fatia média / dia.
 
Dr. Luiz Carvalho - Nutrólogo e Nutricionista
Gabriela Zanatta Port - Nutricionista

VINTE TROCAS QUE VALEM A PENA



 
Descrição: pãesDescrição: cid:314E9D1E9BE94A689FD4CE819FD455CA@WagnerPC
Pão francês por integral
Eis uma forma de começar o dia protegendo as artérias. A massa integral presenteia o organismo com boas doses de fibras. Esse ingrediente serve de alimento a bactérias aliadas que moram no intestino. Bem nutridas, algumas delas fabricam mais propionato, uma substância que tem tudo a ver com os níveis de gordura na circulação. “Ao chegar ao fígado, ela diminui a produção de colesterol”, explica a gastroenterologista Jacqueline Alvarez-Leite, da Universidade Federal de Minas Gerais. Com isso, cai também a quantidade dessa partícula no sangue.


Descrição: cid:314E9D1E9BE94A689FD4CE819FD455CA@WagnerPCDescrição: pães     
Leite integral por desnatado
Esse esquema garante a entrada do cálcio, tão caro aos ossos, sem um bando de penetras gordurosos. A bebida desnatada tem o mesmo teor do mineral, com a vantagem de ostentar menos ácidos graxos saturados. O excesso desse tipo de gordura eleva os níveis de LDL, a fração ruim do colesterol. “Isso porque reduz o número de receptores que captam LDL nas células”, ensina a nutricionista Ana Maria Pita Lottenberg, do Hospital das Clínicas de São Paulo. Se esse mecanismo não funciona direito, o colesterol vaga no sangue, pronto para se depositar na parede das artérias.


Descrição: óleos    
Óleo de soja e outros por azeite
O ganho dessa troca vem da combinação entre gorduras benéficas e antioxidantes que povoam o óleo de oliva. Uma de suas vantagens é fornecer doses generosas de ácidos graxos monoinsaturados. “Eles não aumentam os níveis de LDL e ainda ajudam a erguer um pouco as taxas de HDL, o colesterol bom”, afirma o cardiologista Raul Dias dos Santos, do Instituto do Coração de São Paulo. “Além disso, os compostos fenólicos do azeite evitam a oxidação do colesterol, fenômeno que propicia a formação das placas”, completa Jorge Mancini, diretor da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo.


Descrição: pizzas    
Pizza de mussarela pelas de vegetais
A ideia pode não agradar aos fãs mais puristas das pizzarias, mas presta um enorme serviço aos vasos sanguíneos. Deixar camadas e mais camadas de queijo de lado de vez em quando significa podar gordura saturada do cardápio. Como você viu, ela protagoniza o disparo do LDL, o tipo perigoso do colesterol. Substituir a mussarela ou a quatro queijos pelas redondas cobertas de vegetais é uma saída para degustar pizzas sem receio. Opções não faltam — vale pizza de escarola, de rúcula, de brócolis e até de abobrinha. E elas oferecem um bônus: pitadas de fibras e antioxidantes.


Descrição: salgadinhos e castanhas      
 5 Salgadinhos por castanhas
Essa troca é destinada àquele momento em que pinta a fome no meio do dia. Solução fácil, mas nada saudável, seria recorrer aos salgadinhos ou biscoitos recheados, petiscos que costumam contar com gordura trans em sua receita. “Ela não só faz aumentar o LDL como ainda contribui para derrubar o HDL”, alerta Ana Maria Lottenberg. Para escapar da malfeitora, aposte nas castanhas e nas nozes — legítimos depósitos da gordura monoinsaturada, que faz exatamente o trabalho oposto. “As oleaginosas ainda são fontes de antioxidantes”, lembra Jorge Mancini.


Descrição: cereais açucarados e aveia    
 6 Cereais açucarados por aveia
A aveia tem fama de ser um dos cereais mais nutritivos do planeta. Por isso merece um espaço logo no café da manhã — seja na forma de flocos, seja no mingau. Um estudo da Universidade Federal de Santa Catarina comprova, mais uma vez, sua capacidade de cortar a gordura que sobra no sangue. “A aveia é rica em betaglucanas, fibras fermentadas no intestino e capazes de regular a síntese de colesterol”, explica a autora, Alicia de Francisco, que também é coordenadora para a América Latina da Associação Americana de Químicos de Cereais. “Observamos que elas ainda aumentam o HDL”.


Descrição: Bauru por peito de peru e queijo branco    
Bauru por peito de peru e queijo branco
Calma, não pretendemos condenar ao ostracismo um lanche tão tradicional como o bauru. O problema é que ele deixa a desejar se as taxas de colesterol já rumam aos céus. Basta averiguar seus ingredientes: queijo prato e presunto, redutos de gordura saturada e colesterol. Que tal substituí-lo por um sanduba de peito de peru e queijo branco, que é mais esbelto do que seu congênere? Experimente. Só é preciso ficar atento ao tamanho do lanche. Ora, uma gigantesca baguete recheada pode fornecer mais calorias e gorduras do que um bauru de porte modesto.


Descrição: Camarão por peixe     
Camarão por peixe
Convenhamos: frutos do mar não são tão frequentes no prato do brasileiro. Mas vale ficar atento durante aquela viagem à praia para não se abarrotar de camarões. Eles encabeçam o ranking marinho de colesterol — são 152 miligramas da gordura em uma porção de100 gramas. Ou seja, quase o triplo do que é oferecido pela mesma quantidade de um peixe gordo como o salmão. Esse pescado se sai melhor também por outro motivo: ele é carregado de ômega-3. E uma nova pesquisa da Universidade Columbia, nos Estados Unidos, revela: o ômega diminui a captação de LDL pela parede das artérias, prevenindo as placas.


Descrição: Picanha por lombo     
   9 Picanha por lombo
O porco não é mais gordo que o boi nem o boi é mais gordo que o porco. Tudo é uma questão de corte. Há peças bovinas com menos gordura saturada, caso da alcatra e do filé mignon, e há aquelas parrudas, como a picanha e o cupim. O mesmo raciocínio se aplica à carne suína: o lombo é mais magro que o pernil. Mas saiba que há medidas para retalhar o possível malefício de qualquer corte rechonchudo. “Limpe a peça antes de cozinhá-la, retirando toda gordura aparente”, ensina Ana Maria. Até porque, apesar de a gente não ver, altas doses do nutriente já estão emaranhadas na carne.


Descrição: Manteiga por margarina   
 10 Margarina por manteiga
Elas mantêm uma rivalidade histórica e ainda suscitam debates entre os experts. No duelo em prol de artérias saudáveis, porém, a manteiga leva certa vantagem.
 

Descrição: Quindim
 por compota de frutas  
11 Quindim por compota de frutas
Os doces costumam ser condenados por carregarem açúcar demais. Quando a discussão envolve colesterol, porém, o açúcar pesa menos do que outro ingrediente comum em quindins, brigadeiros e bolos: a gordura. A manteiga, o creme de leite e outros ingredientes gordurosos que dão consistência aos quitutes levam consigo ácidos graxos saturados, que alavancam as taxas de LDL. Não à toa, os especialistas aconselham trocar esse tipo de sobremesa por opções que, sem perder o sabor adocicado, são desengorduradas. O melhor exemplo são as compotas de frutas. Só não vale, é claro, abusar.


Descrição: Suco de laranja pelo de uva 
12 Suco de laranja pelo de uva
Essa é para matar a sede e resguardar o peito. É na casca da uva que está um parceiro do coração, o resveratrol. “Ele atua na redução do colesterol e tem efeito antioxidante”, diz a bioquímica Tânia Toledo de Oliveira, da Universidade Federal de Viçosa, em Minas Gerais. Ao impedir que as partículas de LDL se oxidem, a substância evita indiretamente que elas grudem na parede do vaso. Ao contrário do que muita gente pensa, o resveratrol não é exclusivo do vinho. O suco de uva natural e feito na hora (com casca, por favor!) também o disponibiliza ao organismo.


Descrição: Chá de ervas por chá-mate   
 13 Chá de ervas por chá-mate
Não é campanha contra a receita da avó, mas as infusões à base de camomila e afins perdem feio para o mate se o assunto é colesterol. Que o digam cientistas da Universidade Federal de Santa Catarina, que avaliaram as propriedades dessa erva típica do sul do país. “Notamos uma queda de 8,5% nos níveis de LDL em voluntários com taxas normais e uma redução extra de 13,5% em pessoas que tomavam remédios para abaixar o colesterol”, conta o farmacêutico Edson Luiz da Silva, que liderou a pesquisa. A proeza vem das saponinas, moléculas presentes no mate. “Elas diminuem a absorção do colesterol no intestino, favorecendo sua excreção pelas fezes”, explica.


Descrição: Cebola branca por cebola roxa  
  14 Cebola branca por cebola roxa
Essa troca pode ser estendida à alface e ao repolho: prefira sempre o roxo. As hortaliças com essa cor abrigam um pigmento que aplaca o colesterol, a antocianina. “Experimentos feitos em animais no nosso laboratório mostraram que ela reduz consideravelmente a concentração da gordura no sangue”, conta a professora Tânia Toledo de Oliveira, da Universidade Federal de Viçosa. “A substância inibe uma enzima que participa da síntese de colesterol no fígado, além de aumentar sua eliminação do organismo.” Morangos e cerejas, saiba, também são reservas de antocianinas.


Descrição: Molho branco pelo de tomate
15 Molho branco pelo de tomate

 
O macarrão é o mais inocente por aqui. Quem incentiva ou não a escalada do colesterol é o molho — sempre. O branco é bem gordo. Em 2 colheres de sopa encontramos 4,5 gramas de gordura. Como o preparo exige creme de leite e queijo, o prato fica cheio de ácidos graxos saturados. Uma bela macarronada ao sugo não guarda esse perigo. Nas mesmas 2 colheres de sopa, há somente 0,1 grama de gordura. “Apenas procure usar o molho de tomate feito em casa e evitar a manteiga no momento de refogá-lo”, orienta a nutricionista Ana Maria Lottenberg. E, se possível, opte pela massa integral.


Descrição: Chocolate ao leite pelo amargo
16 Chocolate ao leite pelo amargo

 
O doce de cacau se notabilizou como um amigo do sistema circulatório. Mas não é todo chocolate que, de fato, prova sua amizade às nossas artérias. O tipo que merece respeito é o amargo. “Ele possui menos gorduras saturadas que o branco e a versão ao leite”, afirma a nutricionista Vanderlí Marchiori, colaboradora da Associação Paulista de Nutrição. “Sem falar que fornece catequinas, substâncias que ajudam a sequestrar o LDL e impedir sua oxidação”, diz. Mas fique atento ao rótulo: amargo de verdade tem mais de 60% de cacau em sua composição.


Descrição: Chocolate ao leite
 pelo amargo     
17 Sal por ervas e alho

 
Está em suas mãos uma maneira de preservar os vasos sem deixar a comida ficar insossa: em vez de exagerar no sal, ingrediente que patrocina a hipertensão, use a imaginação e as ervas aromáticas, além de alho. “Ele tem compostos capazes de controlar o colesterol”, exemplifica Vanderlí. E ervas como o orégano e o alecrim merecem ser convidadas à cozinha por causa do seu poder de fogo contra a oxidação, um fenômeno que, você já sabe, não poupa o LDL, tornando-o ainda mais danoso para as artérias. Mas essa ação pode minguar quando os ingredientes são expostos a temperaturas elevadas. Procure acrescentá-los nos minutos finais do cozimento.


Descrição: Chocolate ao leite pelo amargo   
18 Frango com pele pelo frango sem pele

 
Muita gente pensa que basta despir uma coxa de frango assada no prato para se livrar de um boom de colesterol. Ledo engano. “Retirar a pele é, sim, fundamental, mas isso deve ser feito antes de levar a carne ao fogo”, esclarece a nutricionista Cláudia Marcílio, do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, em São Paulo. “Quando submetidos ao calor, a gordura saturada e o colesterol da pele conseguem se dissolver e penetrar na carne”, justifica Ana Maria. Aí, será tarde…


Descrição: Queijo pelo tofu
19 Queijo pelo tofu

 
A intenção não é jogar mais pedras sobre o parmesão, o provolone e até o minas, mas abrir espaço ao tofu, que é feito de soja. Ele é uma preciosidade porque concentra o que o grão tem de melhor: proteínas e isoflavonas. “A proteína da soja aumenta a atividade de receptores que colocam o LDL para dentro das células e inibe a principal enzima responsável pela produção de colesterol”, explica a nutricionista Nágila Damasceno, da Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo. E as isoflavonas não só potencializam a queda do LDL como evitam sua oxidação.


Descrição: Pipoca de micro-ondas pela de panela  
20 Pipoca de micro-ondas pela de panela

 
Faz toda a diferença investir um tempo a mais para estourar o milho no fogão. “É uma forma de controlar a quantidade de gordura no preparo, porque no produto de micro-ondas ela já é fixa”, argumenta a doutora em ciência dos alimentos Maria Cristina Dias Paes, da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, em Sete Lagoas, no interior de Minas Gerais. A versão que ganha na praticidade perde pontos porque carrega ácidos graxos saturados e trans. “Na panela, dá para usar um óleo mais saudável, como o de canola”, diz Cristina. Daí, você aproveita as fibras do milho, deixando seu colesterol em paz.

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO