BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

quinta-feira, 24 de abril de 2014

APRENDENDO A SER






A meditação é um estado de ser em que você não está pensando, você não está imaginando, você não está envolvido em conversa imaginária com quem quer que seja.
Você se encontra em perfeita paz, em quietude perfeita, em perfeita imobilidade. No silêncio da meditação, quando você vai além do pensamento e da imaginação, você está aprendendo a ser. A sermos nós mesmos, não como se nos definíssemos por alguma atividade, seja essa atividade algum trabalho ou processo de pensamento, mas apenas sermos. Ser a pessoa que você é, sem procurar justificar a sua existência ou encontrar desculpas para a sua existência. Apenas ser, tal como você é. [...]
Vamos além de todas as imagens, acima de todas as imagens que temos de nós mesmos. Nos despimos de todas as máscaras. Nós as depomos. . .ao nosso lado, e começamos a nos tornar a verdadeira pessoa que somos, em simplicidade absoluta. Repetimos nosso mantra, não para impressionar a quem quer que seja; repetimos nosso mantra de modo a deixar para trás todas as imagens, todas as palavras, para que possamos nos encontrar na mais completa simplicidade.
Quando você medita, você não procura agradar a quem quer que seja. Você não procura reagir a qualquer papel ou imagem de si mesmo. De fato, quando você medita, você não apenas não procura reagir a uma imagem de si mesmo ou à imagem que alguma outra pessoa tem de você, mas, ao meditar, você abandona todas as imagens. Você se esvazia. Isso é a meditação. Trata-se do processo de esvaziamento de toda fantasia, de todas as imagens, de toda a irrealidade. Isso produz o espaço para o seu verdadeiro você, a verdadeira pessoa que você é. Essa é uma maneira de encarar a meditação. Trata-se de uma maneira de criar o espaço para que você seja.
A repetição de seu mantra é um processo de libertação. Você se livra das imagens, das fantasias, das recordações que tomam a sua liberdade de ser quem você é. Na visão cristã da meditação, todo o propósito do processo é o de libertar seu espírito para que se abra para o infinito, para permitir que seu coração, e sua mente, e todo o seu ser, se expandam além de todas as barreiras de seu próprio eu isolado, para passar a se unir a tudo. Com o Todo, com Deus.


John Main, OSB 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO