BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

PORQUE COMETEMOS ERROS



Você se esforça pra fazer a coisa certa? Você procura sempre agir corretamente? Se dependesse da sua vontade de agora, você deixaria de errar para sempre? O fato é que nós cometemos erros todos os dias. Fazemos tanta coisa errada que nem vale a pena comentar sobre eles. Até porque devemos valorizar os nossos acertos, devemos nos alegrar com as coisas boas que conseguimos fazer.

Há uma frase atribuída ao Chico Xavier que diz que não devemos cobrar dos outras virtudes que não temos. Não tenho a pretensão de cobrar virtude alguma de você. As minhas virtudes são poucas e acanhadas. Mas isso não me tira a vontade de querer melhorar a mim mesmo e de fazer refletir quem esteja disposto a isso.

Dei essa explicação toda pra dizer que todo erro traz fraqueza. Cada vez que cometemos um erro nos sujeitamos à fraqueza. Esse erro pode ser de propósito ou não. Desde que você perceba que o erro existe, desde que você note que o que você fez foi um erro, você dá abertura para que a fraqueza se instale em você.

As pessoas mal-humoradas sofrem muito com seu mau humor, inclusive fisicamente. Elas são mal-humoradas porque pensam mal dos outros, ou falam pelas costas, ou são ingratas, não valorizam a vida. Esses erros fazem delas pessoas ranzinzas, e isso é fraqueza.

As pessoas que trabalham de má vontade sentem-se sempre visadas, como se houvesse uma perseguição sobre elas. Elas trabalham de má vontade por não gostarem do que fazem, ou por não gostarem de trabalhar, ou por não valorizarem sua função, ou por simples desleixo. Por causa do seu descuido e relaxamento, esperam por alguma crítica, ou cobrança, ou reclamação, e com o tempo acham que o ambiente de trabalho é um complô para as derrubar. Isso é fraqueza.

Amilton Gaspar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO