BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

terça-feira, 11 de julho de 2017

MORADAS DO UNIVERSO – Visão Espírita




“Há muitas moradas na casa do meu pai” afirmou Jesus aos seus discípulos no evangelho de João 14 : 2. Nós espíritas entendemos que Jesus falava dos diversos mundos que constituem o universo criado por Deus. A lógica nos faz crer que é impossível que Deus tenha criado milhares de milhões de corpos celestes apenas para enfeitar o firmamento, para deleite do homem.
Só na nossa galáxia, a chamada Via Láctea, se calculam dois bilhões de estrelas, ou seja, dois bilhões de sóis, que certamente devem ter planetas girando em torno deles, presos pela gravidade, que os tornam cativos do seu astro luminoso. Se o nosso sol, que é uma estrela de quinta grandeza, pequenino diante da imensidão dos cosmos, tem nove planetas que giram em torno dele, quantos devem girar em torno desses bilhões de sóis só da nossa galáxia?
E existem milhares de galáxias. Se multiplicarmos, teremos números que nós não conseguimos imaginar.
O Espiritismo, essa religião que é ciência, classifica os planetas em termos de evolução, em cinco categorias, a saber: Os planetas primitivos onde a vida ainda se encontra nos primórdios da pedra lascada; os planetas de expiação, categoria onde o mal ainda suplanta o bem, como a nossa querida Terra, que está entrando numa fase de transição para a próxima categoria que são os planetas de regeneração, onde o bem já suplanta o mal, propiciando os espíritos que aí encarnam maiores possibilidades de recuperação moral e a prática do bem. Depois temos a quarta categoria que são os planetas de bem aventurança e a quinta e última categoria que são os planetas celestiais onde vivem os Espíritos que não necessitam mais encarnar para evoluir.
Aí temos, portanto, as opções evolutivas onde nossos espíritos frequentam, e frequentarão, as diversas escolas necessárias para a sua evolução. O espírito só tem duas condições para evoluir: o conhecimento e a caridade (amor), expressos pelo bem que podem fazer. Não é sem propósito que o Espírito de Verdade nos recomendou, como único mandamento para os espíritas: ”Amai-vos e instrui-vos”.
Se hoje estamos nesse pequeno planeta, é expiando para reeducarmos a nós mesmos, dentro de um programa, onde o objetivo é crescer em evolução visando alcançar a vitória do conhecimento pleno “... Conhecerás a verdade e ela vos libertará” (João 8:32) disse-nos o Grande Mestre incentivando-nos ao estudo das leis materiais e espirituais (do Plano Espiritual). E aqui estamos nós nesta fase de transição do nosso planeta, que está passando de Planeta de Expiação para Planeta de Regeneração. Muito
vai ser destruído, e muito vai ser reconstruído, principalmente moral e espiritualmente. Nova precipitação de “anjos maus” já está acontecendo, segundo os Espíritos Superiores, pois esse mundo precisa ser saneado para entrar na fase mais iluminada do bem.
O telescópio Kepler , lançado pela NASA em evolução em torno do sol, já identificou 1.235 planetas fora do nosso sistema solar. Desses 184 são gigantes como Júpiter, 662 são de dimensões semelhantes a Netuno e 122 têm o tamanho da nossa Terra, são os chamados “exo-terras”, que estão circulando em zonas habitáveis ao redor de suas estrelas, podendo ter água em estado líquido em suas superfícies. Dados da NASA. Isto fora as descobertas do outro telescópio estratosférico chamado Hubble.
Assim é o mundo de Deus, onde nós espíritos somos a expressão maior da Sua Criação. Mas fomos criados rudes e ignorantes, para termos o mérito de evoluir e crescer, para podermos fazer “ melhores maravilhas que Ele” (João 14:12) como no seu próprio conselho.


IRAN REGO
*Médico cardiologista – espírita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO