BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

sábado, 26 de agosto de 2017

ORAÇÃO DA SOLIDARIEDADE

Senhor,

Que eu possa a quem está com frio dar o cobertor.
Mas se o frio for da alma, que eu tenha condições de dar afetivo calor.

Se alguém chorar, que eu possa suas lágrimas enxugar.
Mas se eu também estiver em dor, que pelo menos possa companhia fazer.

Porque é chocante, Senhor,
chorar sem ter alguém para nos consolar;
sofrer sem ter com quem dividir;
precisar desabafar e não ter quem ouvir;
enfermar sem ter com quem contar.

Assim, Senhor, e por tudo isso, eu te suplico:
preciso ao próximo servir, tendo tolerância para com a ignorância:
o desprendimento frente à pobreza;
a solicitude moral diante dos reclames das crianças;
atenção e amparo para com a velhice;
o perdão sem condição;
a brandura na exaltação;
a verdade sem interesse e o amor sem cobranças.

Mas, se nada disso eu puder ter ou fazer, que a vida me torne humilde para reconhecer que preciso espiritualmente crescer.

Assim seja.


(Oração captada de Francisco de Assis e transmitida psicograficamente pelo Espírito Carlos Murion ao médium José Medrado

“PORQUE AS ALMAS ANTIGAS TÊM DIFICULDADE PARA ENCONTRAR O AMOR”


As almas antigas geralmente têm níveis mais profundos de maturidade e sabedoria. Com estas características, vem a necessidade inata de viver e amar autenticamente e de todo o coração.
Mas uma alma antiga pode ter mais dificuldade em encontrar amor, porque não está disposta a se conformar.
Almas antigas têm as melhores intenções quando se trata de relacionamentos, mas aqui estão sete razões pelas quais elas muitas vezes têm dificuldades para encontrar o amor:
1.Elas querem um amor que as ensine
Almas antigas não querem ser complacentes em um relacionamento. Elas querem um amor que as ensine e um parceiro que as ajude a crescer. Elas têm uma necessidade inata de aprender e evoluir, e querem um parceiro que as ajude a evoluir em sua jornada.
2.Elas querem um amor vulnerável
Ser compatível na superfície não é suficiente. Uma alma antiga quer alguém que esteja disposto a abrir seu coração, mesmo que doa. Ela quer um parceiro que não tem medo de ser vulnerável. Alguém com quem possa compartilhar uma profunda conexão.
3.Elas têm feridas antigas
Muitas almas antigas carregam uma certa dor de seu passado. Esta dor muitas vezes forma quem elas são, forçando o crescimento de sua maturidade interior. Quando se trata de um relacionamento duradouro, uma alma antiga precisa de alguém que seja maduro e compreensivo o suficiente para lidar com a bagagem que ela pode transportar.
4.Elas não gostam de encontros
Uma alma antiga quer se apaixonar, mas normalmente não gosta de encontros. Almas antigas são muitas vezes paradas pelo drama e as regras dos namoros. Elas querem encontrar o amor, mas muitas vezes não estão dispostas a ter encontros, a fim de encontrá-lo. Isso aumenta a dificuldade de encontrar amor.
5.Elas querem um parceiro comprometido
Uma alma antiga quer uma relação em constante evolução. Ela sabe que o amor precisa ser constantemente nutrido. Se alguém não está disposto a nutrir ativamente o relacionamento, ela perderá o interesse. Ela quer um amor que é mostrado através de experiências compartilhadas, esforço e compromisso verdadeiro.
6.Elas querem um amor autêntico
Um amor verdadeiramente autêntico é aquele que faz você se sentir confortável sendo a si mesmo. Uma alma antiga procura um parceiro que celebra e incentiva a autenticidade mútua. Ela não quer ter que esconder, fingir ou mudar quem é de qualquer maneira. Está em paz com quem é, e quer um parceiro que esteja disposto a aceitá-la.
7.Elas não se conformarão com nada menos do que um companheiro de alma
Uma alma antiga não está interessada em um relacionamento “Eu gosto de você”. Ela está procurando por amor, e não se contentará com nada menos do que um amor de alma gêmea. Ela se recusa a estar em um relacionamento simplesmente por conforto, luxúria, atenção superficial ou segurança.

FONTE: David Wolfe

MEDITAÇÃO DIÁRIA



O que nos trouxe à prática? Porque começamos? Isso é o que é mais importante. Alguns vem para a meditação para entender seu próprio sofrimento, outros para entender o sofrimento da sociedade. Quando a fragrância da meditação está em nós tudo em nós pode ser ensinamento. Lavar a louça pode ser um momento de despertar ou de ignorância. Depende de nós. Também há o fedor da meditação, quando ela é feita por obrigação.
O cerne da meditação budista é voltar ao agora. Nesse momento existe muito mais coisas do que conseguimos perceber. Temos muito pouco contato com a realidade. Quando meditamos passamos a olhar um pouco do que existe no momento.

Phap Hai (Monge de Deer Park)

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO