BOAS VINDAS

Seja bem vindo! Espero que aqui encontre alento, beleza, amor e paz! E que possa espalhar isto para o mundo, que vive tão sedento de tudo isto.



Pesquisar este blog

Seguidores

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

“COMO ACORDAREMOS NO PLANO ESPIRITUAL. ”



No ato da Morte ou Desencarne, alguns Espíritos entram em processo de Sono, por um determinado tempo, e quando acordam no Plano Espiritual, vivem várias situações, boas ou de sofrimentos, de acordo com o Merecimento e a Compreensão sobre si mesmo e o modo de vida que viveu no Plano Físico; o materialismo leva ao plano vibratório das sombras, e o desenvolvimento espiritual leva à liberdade. É preciso viver os dois com critério e equilíbrio para conquistar sua própria luz celestial.
Alguns Espíritos acordam no Plano Espiritual e vão em busca do lugar onde viveram e com as pessoas que conviveram e não têm a noção que desencarnaram.
Espíritos nobres e espiritualizados acordam nos planos superiores usufruindo, da sua consciência equilibrada e de sua luz, dando continuidade aos seus objetivos evolutivos.
Espíritos dedicados à virtude e à beleza acordam no plano espiritual e assumem suas atividades espirituais, dando continuidade aos seus trabalhos antes de reencarnarem, voltam com mais experiência do plano físico e com o dever cumprido.
Espíritos preguiçosos acordam no plano espiritual, e se encontram na mesma escuridão em que viviam no mundo físico, embora desfrutassem da luz do sol, mas não cultuaram a luz do espírito.
Espíritos viciados e malfeitores acordam no plano espiritual e se ligam às suas quadrilhas de malfeitores no umbral e passam a prejudicar os seres humanos, com os germes negativos do seu perispírito, e sua mente doentia.
Oradores acordam no plano espiritual e começam a repetir os seus conceitos de vida, sem obras positivas para o seu próximo, num circulo vicioso por dezenas de anos até despertarem em si mesmo o tempo perdido.
Homicidas acordam no plano espiritual nos abismos do umbral, curtindo o seu ato insano por tempo indeterminado até se conscientizarem do crime que fizeram contra si mesmo.
Não te esqueças que terás também a boca fechada e as mãos geladas no dia do seu sepulcro. Busque, desde agora, a luz do bem constante, na rota de teus dias, para que a sombra do umbral não lhe envolva.


Grupo Socorrista Obreiros do Senhor Jerônimo Mendonça Ribeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ALGUMAS DE MINHAS OBRAS

MEU MAIS NOVO LIVRO

MEU MAIS NOVO LIVRO